JFTORRES - CRÔNICAS - CONTOS - POESIAS E LIVROS!

"Crer que tudo se sabe é um erro profundo, o próprio horizonte tomar como limites do mundo!" (Victor

Textos

“EU APRENDI...” (paródia de “Aprendi” de Charles Chaplin , com todo respeito).
“EU APRENDI...”  
(paródia de “Aprendi” de Charles Chaplin , com todo respeito).
Por experiência de vida, pela chegada dos anos, por compreender em partes às coisas, que a única coisa que pode manter um casamento duradouro, uma amizade extensa e uma vida promissora é somente através dos dólares! Não digo REAL, porque essa moeda, não tem peso nenhum no cenário mundial, portanto, riqueza material, somando-se a puerilidade superficial das pessoas, mas, unindo os seres nos casamentos e nas falsas amizades, travestidas de sinceridade!
Aprendi, que por mais que tente manter a distância de um amigo chato... um dia, ele sempre volta para encher o saco e torrar a paciência!
Que ninguém tem o direito de reter indefinidamente alguém que se gosta ao seu lado indefinidamente... Meu Deus, haja paciência, chega uma hora que não se suporta mais ver a própria cara no espelho, quanto mais outro alguém ao lado, para sempre, “tô fora!”
Aprendi que esses pobres animais, particularmente as aves, ficam juntas aos pares, casais a vida inteira, por causa de sua espécie e a limitação de companheiros, ou seja, não há outras poucas opções em se tratando de penosos, são escassas as possibilidades e atrações, por isso, no seu universo, não existe muito mais o que fazer, senão ficar um ao lado do outro, cheios de penas, comendo insetos e cuidando dos filhotes para sempre, quer dizer, enquanto a vida durar...
Que o amor sempre vai existir, mas, exigir que uma outra pessoa, tão cheia de limitações o quanto você próprio, cheia de “ciumeiras”, desejo de posse, apego, etc., poder lhe dar algo de sentimento que lhe falta, é querer demais... depois reclamam que não dá certo, claro, depositando todas “as fichas” num outro ser imperfeito, vai esperar o que?!
Aprendi que um político vivo e um político morto, não faz a menor diferença para a sociedade. Sim, vivo parasita o meio em que vive e morto é capaz de parasitar o solo, o cal, o cimento. Não causa o menor impacto sua presença ou sua ausência!
Aprendi que as verdadeiras amizades... nesse mundo de interesses existe sim... quando se está dormindo e sonhando com elas, caso contrário, é só decepção!
Aprendi, que a vida é bela, sim, excetuando-se, isto é, tirando-se o pagamento de impostos, a alta dos combustíveis, os políticos corruptos, a farsa de algumas religiões, à falsidade, a mentira, a traição, os jogos, os vícios, as amantes, os amantes, o Corinthians, o Pelé, o racismo, o preconceito, o ódio, a discriminação racial, as doenças, às pestes, as pandemias, as mortes violentas, os crimes da periferia, a ignorância, o trabalho braçal, o convívio social, os excessos do judiciário,  os filmes brasileiros, o Wagner Moura, o João Dória Júnior, o Donald Trump, excetuando-se tudo isso, a vida é sim, maravilhosamente bela!
Aprendi que apesar de tudo, é preciso viver com fé... sim, com fé, ou seja, segundo o dizer do Apóstolo (Paulo, não o Waldemiro), “o firme fundamente das coisas que se espera, mas , daquilo que não se vê!” Você pode confiar e acreditar que tudo vai permanecer exatamente como está! O rico cada vez mais rico e o podre cada vez mais pobre, o miserável mais ínfimo e o bilionário ainda mais poderoso, talvez você e seus filhos, suas casas e suas moradias, sejam vendidos a povos estranhos, mas, pela fé, tudo um dia vai mudar... não sei se para melhor! Primeiro, é preciso entender o que se tem, por melhor!
Isso, de fato, aprendi: em certas circunstâncias, é melhor ficar calado! Um imbecil de boca fechada em meio ao burburinho do dia, pode até passar por gênio, mas, se abrir a boca, todo mundo vai saber quem exatamente é e o que quer, por isso, procuro ficar mudo, ultimamente!
Aprendi, que aqueles sujeitos descendentes daqueles outros que crucificaram Jesus e ficam gritando pelas praças públicas que Jesus vai voltar de novo, para ser de novo crucificado, não tem a mínima noção do que estão pronunciando e vociferando... à essas alturas do campeonato, o que Jesus, lá no céu, não deve ser é “besta”, para descer de novo aqui e vir falar para pessoa com o caráter por exemplo, do Donald Trump: “irmão, você é racista, preconceituoso, discriminador, materialista, mentiroso, violento, hipócrita, causador de encrenca entre nações, sem noção, egoísta, ambicioso, materialista e amigo de Bolsonaro e gordo e feio, etc., o que será que aconteceria com o “messias reenviado?!” Não! Sinto muito lhes desapontar, profetas de “meia patacas”, conspiradores, propagadores de “fake News”, Jesus já veio, quem aprendeu, aprendeu, quem não entendeu, vai ter que esperar os próximos milhares de anos...
Aprendi que calendário, anos, dias, meses, Estações, clima, etc., é tudo mentira (?!) O que existe é um Planeta em formato de bola, girando em torno do seu eixo, ao redor do Sol, e para evitar a repetição das mesmas coisas, ponto de distanciamento mínimo do Sol, ponto de distanciamento máximo, conhecidos como noite em dia, criaram lá a medição de vinte e quatro horas, mas, é tudo igual... até as ondas que se repetem! Somente a influencia gravitacional da Lua, sobre as marés faz algum sentido, isso, eu também aprendi!
Aprendi que quando estou me despedindo de uma pessoa, pode ser a última vez... e daí?! Ninguém tem o direito de impedir que o outro, pelo menos, ponha o pé no degrau do ônibus e caia fora...
Jfranck
Enviado por Jfranck em 17/09/2020


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras